Parceria: Henri Cartier-Bresson.

Blog em Parceria: Henri Cartier-Bresson Visite!

To me, photography is the simultaneous recognition, in a fraction of a second, of the significance of an event.”-Henri Cartier-Bresson

“Qual o mais importante atributo de um ator de sucesso? 1.Talento. 2.Sorte. 3.Resistência”. Segundo Laurence Olivier (1989, p.202 ): Confissões de um Ator – segundo Leonn, (2011).


“O ator emotiva o público! Um ator sem alma, com ofício... É como o Teatro sem o público”, (Lúcio Leonn, 1989).

note-me por email

Páginas

notadores

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Da necessidade da Psicologia para o(a) aluno(a) do Curso de Licenciatura em Teatro e a importância deste SABER-FAZER -

por Lúcio José de Azevêdo Lucena

- O futuro profissional da área de Teatro-Educação

“Aquele que não ensina divertindo e não diverte ensinando não tem nada a fazer no teatro”. (Bertold Brecht, (1898-1956).)

Da fruição da Psicologia como área de conhecimento, tem sido à base de estudos e de mediação do convívio em sociedade. É perceber para (re)organizar os relacionamentos interpessoais ou mesmo, individual. Também sinaliza o diferencial dentre as disciplinas ditas Ciências Exatas.
Uma aprendizagem mais significativa e humanizante, reconhece a necessidade da Psicologia entre nós. De selecionar temas relacionados e relevantes à formação de educadores.
No entanto, a Escola tem se tornado um reflexo das relações não pacíficas e conflitantes da própria sociedade.
Imagens (acervo pessoal): Projeto Teatro Aplicado à Educação(2008): Interpretação Cênica/Emeif Herbert de Sousa-alunos-Laboratório de Informática Educativa (3ª e 4ª série) sob coordenação/aprendizagem e ensino, Lúcio Leonn.-(Bastidores-pátio -apresentação de: "Os Três Magos", de Érico Verissimo.

Vive-se hoje em um mundo de grandes violências, através de conflitos e de desrespeitos aos direitos da pessoa humana, como também às discriminações, injustiças sociais, fome, desemprego, miséria.
Da necessidade de conhecer e saber-fazer, de usufruir a Psicologia em todos os sentidos, é inerente à pessoa humana. Pois, fazem parte do desenvolvimento humano os aspectos globais, principalmente, o mental.

O futuro profissional de teatro-educação e ainda, em formação, deverá estar preparado em acurar estudos pessoais e de cognição; de maturar os princípios de interação e das fases de desenvolvimento humano e, de suas características intrínsecas.
Procurar sanar possíveis barreiras ou de inquietações, quanto ao convívio ou desentendimento em sala de aula, por parte de alguns educandos -professor(a)-aluno, é um bom exemplo de prática/reflexiva educativa.
Aulas, em maio-2008.
Do módulo, “A Psicologia e a Construção do Conhecimento”, para nós alunos do curso de licenciatura em Teatro, é de suma importância. Logo, é um campo do saber que, permite conhecer e entender a conduta humana; de compreender a personalidade; reavaliar o caráter / a vida.

Aulas, em junho-2008
Ao refletir e agir, profissionalmente, por meio da observação e de aprofundamento teórico perante as atitudes de alunos; ou de questioná-los; de aguçar seus valores; dos desejos / sonhos, dos impulsos ou de mediação de conflitos; pela busca do equilíbrio emocional e circunstancial em espaço salutar – é saber-Ser professor. Então, nossa prática é contínua e ininterrupta. Precisamos saber-ser educador. É, um outro passo.

Bastidores/Biblioteca -ensaios e apresentação, de: "Os Três Magos", de Erico Verissimo(19.dez.2008): alunos da Escola Municipal de Ensino Infantil e Fundamental Herbert de Sousa:-claudiohenrique-lucas-eduardo-raquel-pedro weslley e cristiano-

E, de olho na maturidade humana, tornar um caminho promissor, de atividades mais significativas, com ênfase no desenvolvimento cognitivo e afetivo, de ação social mais justa e igualitária. Imagem de Roberta/Claudioherique-improvisação livre.
Finalizando, proceder em estudos e de experiências na promoção da psicologia da infância e da adolescência em ambiência escolar, nos conduz ao processo de ensino e de aprendizagem com foco no diálogo, numa prática colaborativa.

“A nova humanidade será universal e terá a atitude do artista; isto é, reconhecerá que o imenso valor e a beleza do ser humano residem precisamente no fato de pertencer ele aos dois reinos da natureza e do espírito”. Segundo Bilbao apud Thomas Mann, (2004).

Fontes consultadas
BILBAO, Giuliana Gnatos Lima. Psicologia e Arte. Campinas, SP: Editora Alínea, 2004. 96p.
Periódicos
Arquivo pessoal e experiência do ator e arte-educador Lúcio Leonn.
Universidade Nacional de Brasília-UnB/Instituto de Artes-IdA.Licenciatura em Teatro do Programa Pró-Licenciatura –(UnB/UNIR/MEC). Disciplina de Psicologia e Construção do Conhecimento/Tarefa Avaliativa.Profa. Formadora Sandra Regina Santana Costa.Tutoria virtual Lurdiana Costa Araújo.
*ALUNO Lúcio José de Azevêdo Lucena-Lúcio Leonn (Professor Esp. em Arte e Educação)

Nenhum comentário: